Olá, caro leitor! As dicas que veremos hoje são direcionadas a você que quer economizar dinheiro e chegar a tão sonhada folga no orçamento. Separamos 5 dicas sobre como economizar independente de como sejam seus gastos, renda mensal, vamos lá!

1. Faça a sua lista de gastos mensais

wake up cobranças
É uma dica batida? Mas, funciona! Como você vai economizar se não souber em que está gastando?

Anotar o que é devido, o valor que você tem de salário e de renda complementar te ajuda a compreender quanto você pode gastar, ou melhor, quanto você poderá economizar. A disciplina nas contas é fundamental para um iniciante poupador. O registro dos gastos pode ser feito em uma agenda, no celular, em aplicativos gratuitos para registros mensais, “mas, tem uma observação LANCE TUDO!!!”

Quando falamos TUDO é TUDO mesmo! rsrs!

Isso porque quando começamos a listar as despesas tendemos a colocar apenas aquelas mensais, as consideradas mais importantes e deixamos de colocar os valores gastos mensalmente no mercado, na padaria, nos aplicativos de entrega (MAS, esse vamos tratar em um tópico próprio hein!). Quanto mais controle você tem sobre suas contas melhor é o ponto inicial para um poupador.

2. Poupe antes de gastar

wake up cobranças - poupe
Poupe no início do mês!

Se você já fez a sua lista de despesas, e calculou quanto você tem de salário de renda complementar mensal. Você sabe exatamente quanto precisa fechar o mês, não deixe para poupar o que sobra no final do mês. Isso porque no final do mês a falta de dinheiro sempre irá acontecer em decorrência dos maus hábitos financeiros. Assim, quando você receber o seu salário ou renda complementar comece, seja com R$10,00 ou R$50,00. Pois, se você “poupa” uma quantidade que vai prejudicar o salário durante a necessidade de pagar as contas você acabará usando esse dinheiro a intenção é justamente poupar e fazer uma reserva emergencial.

3. Faça um levantamento dos seus gastos desnecessários

Nos primeiros meses de reeducação para ser um poupador é necessário ter uma lista dos gastos desnecessários para que você compreenda como a compra semanal em aplicativos de entrega (aqueles sem necessidade) afetam diretamente o seu orçamento total. Você já teve aquela sensação de que seu dinheiro não rende? Isso ocorre pela falta de controle, anotar apenas as contas “essenciais ou obrigatórias” não te dá um parâmetro real da sua situação econômica por isso a importância de registrar os gastos para que você tenha uma noção real de como seu dinheiro está sendo gasto e aí sim você vai entender como é importante priorizar uma poupança de emergência.

4. Chega de CHEQUE ESPECIAL

Um dos principais erros é tentar através de uma nova conta quitar outras contas, principalmente quando essa forma de intervenção é encontrada no cheque especial. Apesar da “facilidade” de se ter o dinheiro na hora a taxa de juros diárias e mensais, aliada aos juros compostos faz com que essa opção seja muito prejudicial ao seu orçamento. Se o seu objetivo é economizar entrar em contas maiores, seja através de cheque especial, empréstimos, compras parceladas que acabam por onerar seu orçamento total não permitindo que você poupe de fato. Assim, é melhor avaliar e passar o restante do seu mês sem dinheiro com as contas pagas até o recebimento do próximo salário do que submeter seu orçamento a juros tão altos quanto aqueles do cheque especial.

5. PESQUISE ANTES DE COMPRAR

Pesquise wake up

Durante o período em que você busca realizar a tão sonhada reserva de emergência as compras não podem ser interrompidas justamente porque existem necessidades que vão surgindo ao longo dos dias. Nesse sentido, o equilíbrio deve ser seu principal aliado. Comprar por impulso pode prejudicar toda a sua organização, é preciso que você pesquise em quais lojas você encontra aquele produto, se a compra tiver de ser parcelada calcule os juros que são colocados sobre as parcelas e decida quais as condições de pagamento vão se adequar a seu bolso. Com o avanço do e-commerce (lojas virtuais) é possível que essa pesquisa seja feita de casa.

Poupar em tempos de crise existe uma reeducação financeira que não precisa ser necessariamente acompanhada por um profissional, apesar de reconhecermos a importância dos profissionais que ajudam na educação financeira em um momento de crise é preciso pensar o que é mais importante, e priorizar o pagamento das despesas e poupar é a melhor solução. Dessa forma, crie seus objetivos para a sua reserva, sonhar é fundamental para que você tenha um incentivo e busque de fato poupar dinheiro.

Aguardamos você no próximo artigo!  

 1,028 Pessoas Leram este Artigo,  4 Visualizações Hoje


Luciana Lima Wake Up

Graduada em Direito pelo Centro Universitário de Goiás. Pós graduanda em Direito do Trabalho e Processo do Trabalho pela Anhembi Morumbi. Redatora de textos acadêmicos e na área de cobranças pela Wake Up Cobranças.

1 comentário

Ana Maria · Junho 4, 2020 às 6:56 pm

Quer saber como você pode trabalhar 100% pela internet nessa quarentena e aumentar os seus lucros? Acesse o link abaixo:
https://bit.ly/marketingdigitalzeroaoavançado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *