Olá, hoje nós vamos tratar sobre o índice de inadimplência em lojas que utilizam o crediário próprio como opção de crédito para seus consumidores.

O primeiro ponto importante para termos uma inadimplência baixa começa pela qualidade da venda, existem algumas coisas que podem ser realizadas durante a venda que auxiliam a você ter uma qualidade melhor das suas vendas no crediário.   

O primeiro ponto é cuidar do cadastro do cliente, quanto maior o número de informações que você tiver sobre o cliente melhor será em uma tratativa futura, compreendendo corretamente o nome completo do cliente, seu endereço, mais de um telefone de contato, e-mail, ocupação, informações como CPF.

Ou seja, para que se tenham uma inadimplência baixa é necessário cuidar corretamente desde o momento da venda.

Saiba como calculara inadimplência da sua loja - Wake Up Cobranças

O segundo ponto, o parcelamento do cliente quanto maior a quantidade de parcelas maior o risco de inadimplência, por exemplo: é ideal que você faça uma avaliação do valor médio da compra quando estiver entre R$ 200,00 e R$ 300,00 reais é ideal que seja parcelado em no máximo 6x.

Isso porque, trata-se de uma importância menor que pode não ser priorizada pelo consumidor em momentos de crise como este que estamos vivendo.

Dessa forma, tomados os cuidados iniciais sobre a quantidade de parcelas e a realização de uma venda com riqueza de detalhes é necessário delimitar qual a política de crédito da loja e para isso é importante ter uma estratégia para seu negócio, de como que se compreenda qual o indicie de inadimplência atual da loja e como ele pode ser modificado.

É muito importante que se tenha um controle de caixa, de quanto deve entrar mensalmente, as despesas, salários, ter uma programação no caixa é fundamental para o bom funcionamento da operação de crediário da sua loja.

Porém, quando se tem um índice de inadimplência muito alto a tendência é que não se possa prever os pagamentos futuros.

 Assim, o cálculo do índice de inadimplência tem a função de demonstrar mensal, diária ou semanalmente a saúde do seu negócio. O mais importante é que você tenha sempre um fechamento mensal para poder comparar a evolução deste que é um dos principais indicadores na gestão do crediário.

Posteriormente, essas avaliações vão te auxiliar na concessão de crédito.

Planilha para Análise de Inadimplência

O primeiro passo é elaborar uma planilha com os seguintes dados: títulos inadimplentes com mais de 90 dias e menos de 180 dias, mês de vencimento, valor total pago, especificar os dias de atraso,

Mês de vencimento da parcela Total das parcelas com vencimento no mês Valor total pago (parcelas com vencimento no mês) Valor das parcelas não pagas até 1º de outubro
Setembro R$ 110.00,00 R$ 100.000,00 R$ 10.000,00
Agosto R$ 90.000,00 R$ 82.000,00 R$ 8.000,00
Julho R$ 80.000,00 R$ 75.000,00 R$ 5.000,00
Junho R$ 80.000,00 R$ 77.000,00 R$ 3.000,00
Maio R$ 150.000,00 R$ 148.000,00 R$ 2.000,00
Abril R$ 100.000,00 R$ 99.000,00 R$ 1.000,00
Março R$ 120.000,00 R$ 119.500,00 R$ 500,00
Saiba como calculara inadimplência da sua loja - Wake Up Cobranças

A partir dessa visualização é possível calcularmos a porcentagem de devedores sem dificuldade. Daí a importância de saber os ganhos previstos para o mês, os valores que foram realmente recebidos e o valor que falta para atingir o montante previsto.

Como Calcular o Índice

Para obter o índice de inadimplência da sua loja você deve levar em conta as parcelas com atraso superior a 90 e inferior a 180 dias. Utilize a seguinte fórmula para fazer o cálculo:

II = TI90 / TT90

Onde TI90 se refere às parcelas com pagamento pendente até 90 dias após o vencimento original e TT90 representa o total dos títulos com 90 a 180 dias de atraso. Vamos usar a tabela acima com exemplo e calcular a inadimplência no mês de setembro. Nesse caso, TI90 corresponde aos valores de abril, maio e junho, enquanto TT90 corresponde a abril, maio e junho.

A conta ficaria assim:

II = TI90/TT90

II = 3.000 + 2.000 + 1.000 / 80.000 + 150.000 + 100.000

II = 6.000 / 330.000

II = 0,018 ou 1,8%

Ou seja: o índice de inadimplência em setembro foi de 1,8%.

Apesar de parecer difícil o cálculo da inadimplência é importante e pode ser realizado com sites gratuitos ou através de uma equipe de cobrança especializada que pode auxiliar da maneira mais profissional a saúde do seu negócio.

Gostou do nosso artigo? Compartilhe nas redes sociais.
Aguardamos você no próximo artigo.

 786 Pessoas Leram este Artigo,  1 Visualizações Hoje


Luciana Lima Wake Up

Graduada em Direito pelo Centro Universitário de Goiás. Pós graduanda em Direito do Trabalho e Processo do Trabalho pela Anhembi Morumbi. Redatora de textos acadêmicos e na área de cobranças pela Wake Up Cobranças.

3 comentários

PRIVATE LABEL, CO-BRANDED E CREDIÁRIO PRÓPRIO, DIFERENÇAS | Wake Up Blog · Junho 18, 2020 às 6:31 pm

[…] é que utilizam esse sistema é que também permitem a validação de pagamento através de boleto bancário, a contratação desse tipo de cartão e fornecimento aos clientes deve ser bastante pensado, […]

CONFISSÃO DE DÍVIDA – CONHEÇA ESSE INSTRUMENTO? | Wake Up Blog · Julho 22, 2020 às 7:36 pm

[…] se formulado corretamente traz uma segurança jurídica para a sua empresa e auxilia inclusive no processo de recebimento, em último caso esse documento serve como prova nos processos judiciais de […]

FRAUDES NA EMPRESA: COMO EVITAR? | Wake Up Blog · Agosto 15, 2020 às 8:16 am

[…] outros artigos do nosso blog já tratamos sobre a questão de determinar um valor para compras no crediário, essa regra se aplica bem para todas as vendas ter um valor estipulado para que os dados sejam […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *